Estoril arranca empate (3-3) em casa do Vitória

Estoril arranca empate (3-3) em casa do Vitória

Agora com Pedro Emanuel à frente do comando técnico do Estoril-Praia, os canarinhos empataram (3-3) num jogo marcado por três expulsões

EstorilPraia-FestaO Estoril Praia garantiu este domingo um precioso empate (3-3) em Guimarães, frente ao Vitória, num jogo complicado marcado por três expulsões , duas na equipa da casa e uma entre os visitantes.

PUB

O conjunto estorilista, com Pedro Emanuel como técnico no jogo que marcou o seu regresso ao futebol português agora para orientar o Estoril Praia, foi a primeira equipa a marcar, logo aos três minutos, permitindo que o jogo fosse até ao intervalo com o conjunto visitante em vantagem.

Para o segundo tempo o Vitória surgiu mais determinado, chegou à igualdade aos 52' minutos com um golo de Rafael Miranda, mas o Estoril voltou a adiantar-se no marcador dois minutos depois, aos 54', através de Mattheus Índio.

O Vitória de Guimarães estava ainda assim mais balanceado para a baliza da turma visitante e surgiu então Marega, claramente a fazer a diferença, fazendo um golo aos 63 minutos e abrindo brechas na defesa estorilista para o terceiro golo vimaranense aos 71' minutos por Rafael Martins.

A vencer por 3-2, o Vitória teve algumas oportunidades para fazer o quarto golo e matar o jogo, Marega teve um lance em que surgiu isolado em frente a Moreira e não conseguiu bater o guarda-redes do Estoril, isto quando tinha mesmo um companheiro isolado na grande-área do Estoril Praia em posição para apenas encostar. Margem preferiu rematar e Moreira fez a defesa da noite.

E como se isso não bastasse para complicar a missão do Vitória de Guimarães, o árbitro Tiago Martins resolveu expulsar dois elementos da equipa da casa, nomeadamente Rafael Miranda, que viu o segundo amarelo por carga sobre Diogo Amado, e Tozé, que recebeu um vermelho directo por "bocas" ao juiz da partida.

A jogar apenas com nove elementos o Vitória de Guimarães limitou-se praticamente a defender, mas também o Estoril ficaria com menos um elemento, com a expulsão de Joel ao minuto 90'.

EstorilPraia-PedroEmanuel

No último dos cinco minutos de compensação, e quando poucos o esperariam, um cruzamento do lado direito para o coração da grande-área do Vitória encontrou a cabeça de Mattheus que se elevou no meio dos centrais para colocar a bola dentro da baliza do Vitória a entrar junto ao segundo poste.

Balde água fria nos festejos do Vitória, muitos protestos das hostes vimaranenses contra o trabalho do árbitro Tiago Martins, e o Estoril Praia a conseguir um importante ponto conquistado no Estádio D.Afonso Henriques no primeiro jogo de Pedro Emanuel como treinador dos "canarinhos".

O Vitória termina assim esta 25ª jornada na quinta posição da Liga NOS, com 41 pontos, mais seis do que o Marítimo mas a dois do rival Sporting de Braga que nesta jornada também empatou. Já o Estoril Praia, agora com Pedro Emanuel ao leme, consegue um importante ponto fora de casa, surgindo a turma da Amoreira na 15ª posição com 21 pontos, estando agora com cinco pontos acima da linha de água.

texto: Jorge Reis
fotos: reprodução ©Twitter

Share

Copyright © 2012 LusoSaber - Todos os direitos reservados.