Real Madrid conquista Supertaça europeia

Real Madrid conquista Supertaça europeia

Frente ao Manchester United de José Mourinho, o Real começou o jogo com Ronaldo no banco, marcou dois golos, consentiu um e levou o troféu

RMadrid-MUnited-1A cidade de Skopje, capital da Macedónia, foi a escolhida para a discussão da Supertaça europeia entre Real Madrid e Manchester United, com os espanhóis a vencerem pela quarta vez este troféu num jogo com uma característica senão inédita pelo menos pouco comum, isto porque o Real começou o jogo com o português Cristiano Ronaldo no banco de suplentes.

PUB

Frente à turma inglesa orientada pelo português José Mourinho, o conjunto espanhol entrou muito bem no jogo assinando um primeiro tempo quase perfeito, coroado com um golo apontado pelo brasileiro Casemiro ao minuto 25, num lance em que estaria ligeiramente adiantado sem que merecesse ainda assim qualquer reparo da equipa de arbitragem.

Em vantagem na partida, o Real Madrid manteve-se na liderança dos acontecimentos, com um futebol rápido e envolvente, justificando em absoluto a vantagem ao intervalo. Depois, no reatamento da partida, as equipas começaram por manter os “onzes” mas também as práticas no relvado, acabando o Real Madrid por fazer o segundo golo, agora por Isco, aos 52 minutos.

Isco, que até estava a ser porventura o melhor elemento em campo, conseguiu assim materializar isso mesmo com a assinatura do segundo golo da turma de Madrid.

RMadrid-MUnited-2RMadrid-MUnited-4RMadrid-MUnited-5

A perder por dois golos, o Manchester United pôde finalmente acordar, José Mourinho chamou a jogo Fellaini por troca com Herrera, ao minuto 56', imprimindo à turma de Manchester mais velocidade e maior capacidade de resposta no jogo aéreo. E a verdade é que se Fellaini não marcou, seis minutos depois do jogadores estar em campo o Manchester chegou mesmo ao golo, com Navas a não conseguir segurar um remate de Matic, permitindo que a bola sobrasse para a sua frente onde apareceu Lukaku a fazer o golo do Manchester United.

Com quase meia-hora de jogo pela frente foi possível então assistir-se a uma grande partida de futebol, com as duas equipas a fazerem tudo para garantirem os seus objectivos. No Real Madrid, entrou finalmente ointernacional português Cristiano Ronaldo, este ainda teve a oportunidade de bater um livre directo em zona frontal à grande área do Manchester, mas a bola saiu muito por cima num jogo que chegou ao final do tempo regulamentar com a vitória do Real Madrid, por 2-1, continuando José Mourinho sem conseguir coleccionar qualquer Supertaça Europeia no seu palmarés.

texto: Jorge Reis
fotos: reprodução ©Twitter 

RMadrid-MUnited-3RMadrid-MUnited-7RMadrid-MUnited-8RMadrid-MUnited-9

Share

Copyright © 2012 LusoSaber - Todos os direitos reservados.