Sporting vence com vídeo-árbitro em destaque

Sporting vence com vídeo-árbitro em destaque

Dois golos anulados nos dois últimos minutos, um para o Sporting e outro para o Estoril, permitiram uma justa vitória para os "leões”

Sporting-Estoril-00Quando, ao minuto 90', o árbitro Luís Godinho deu mais quatro minutos de compensação, todos acreditariam que o Sporting iria vencer o Estoril Praia por 2-1, tal como acabou por acontecer . Afinal, por aquela altura, tudo indicava que o jogo estava resolvido, mas logo no primeiro minuto da compensação apareceu o holandês Bas Dost a fazer um golo que permitiu a festa aos "leões" mas apenas por meio-minuto, o tempo que o vídeo-árbitro demorou a dar a indicação para um fora-de-jogo de Piccini, o jogador que fez o passe para o cabeceamento do avançado holandês.

PUB

Pouco depois, e quando os adeptos leoninos ainda estariam a falar mal do vídeo-árbitro por lhes ter sido retirado o golo que daria o 3-1, é a vez do Estoril Praia conseguir colocar a bola na baliza de Rui Patrício através de Pedro Monteiro. Jorge Jesus desesperou e deu murros na parede lateral do seu banco de suplentes, um silêncio sepulcral ainda se abateu sobre as bancadas de Alvalade que rapidamente acordaram num enorme festejo quando uma vez o árbitro anulou também este golo por indicação do vídeo-árbitro.

No fim das contas, por entre festejos de uns e decepções de outros, a verdade desportiva imperou e, em ambos os casos, foras-de-jogo mais um menos milimétricos mas sem dúvida existentes mantiveram o resultado no 2-1, o resultado final deste jogo entre “leões” e “canarinhos” que ficará na estatística relativo a esta partida da quarta jornada da I Liga do campeonato português de futebol.

A bem da verdade, aliás, o Sporting mereceu a conquista dos três pontos, pelo melhor futebol que desenvolveu frente a um adversário que, ainda assim, deixou um aviso à navegação dos restantes clubes da I Liga de que não será um osso fácil de roer por qualquer um. Com uma equipa bem montada, principalmente no segundo tempo, Pedro Emanuel pôde manter o seu Estoril acordado para o jogo até ao derradeiro minuto sem nunca entregar os pontos.

Sporting-Estoril-01Sporting-Estoril-02Sporting-Estoril-03

Aos 11 minutos o Estoril Praia já estava a perder por dois golos, depois um primeiro golo marcado por Gelson Martins, num lance de combinação do ataque do Sporting muito bem concluído pelo jovem extremo, e um segundo golo marcado por Bruno Fernandes, na transformação de um livre directo sem hipótese de defesa para Moreira. À passagem do minuto 24 o Estoril Praia perdeu uma oportunidade flagrante quando Pedro Monteiro falhou de baliza aberta após uma assistência de Kléber.

Ao intervalo, o Sporting, que nesta partida jogou sem William Carvalho nem Adrien Silva, ambos dados pelo clube de Alvalade como lesionados, merecia ainda assim de forma indiscutível a vantagem, ficando claro que o Estoril Praia teria que mudar algo na sua estrutura, onde Tocantins surgia como o elemento mais fraco do conjunto. Pedro Emanuel viu isso mesmo, tirou o médio esquerdo, mas também o lateral esquerdo Mano, alterando toda a dinâmica daquele flanco com a entrada do lateral Joel e o médio Jorman Aguilar. O conjunto estorilista passou a equilibrar mais o jogo e já perto do final, ao minuto 85, Lucas Evangelista rematou de longe com um pontapé forte e colocado a bater pela primeira vez na presente época o guarda-redes Rui Patrício.

Sporting-Estoril-05Sporting-Estoril-06

O jogo chegaria ao minuto 90 sem mais golos, o árbitro permitiu mais quatro minutos de compensação, e foi então altura para o vídeo-árbitro assumir um protagonismo inusitado ao determinar que tudo continuasse na mesma, isto apesar dos dois golos apontados para uma e outra equipa com lances irregulares. A emoção que muitos acreditaram que o vídeo-árbitro viria retirar do futebol foi afinal mais do que muita, os eventuais doentes cardíacos terão sofrido algumas arritmias, mas o resultado, esse, ficou mesmo com o 2-1 a dar o triunfo merecido ao Sporting, frente a um Estoril Praia que mostrou ter argumentos para um campeonato promissor.

O Sporting fica assim à frente do campeonato, com 12 pontos conquistados em 12 possíveis nas quatro jornadas já disputadas.

texto: Jorge Reis
fotos: reprodução ©Twitter 

Share

Copyright © 2012 LusoSaber - Todos os direitos reservados.