Sporting empata FC Porto em espectáculo sem golos

Sporting empata FC Porto em espectáculo sem golos

No primeiro grande clássico da época entre as duas equipas que seguem na frente do campeonato português o empate deixou tudo na mesma

 2FA1341Ultrapassado o período eleitoral que se viveu este domingo, depois dos portugueses terem votado para os órgãos de poder dos seus municípios, foi tempo para o Sporting receber o FC Porto naquele que foi o primeiro grande clássico da época, um jogo que terminou com um empate sem golos e que deixou tudo na mesma em termos de classificação.

PUB

À partida para este encontro, os Dragões chegavam a Alvalade com a liderança na I Liga somando por vitórias todos os jogos disputados, isto enquanto que o Sporting já tinha consentido um empate exactamente na jornada anterior, em casa do Moreirense.

Sérgio Conceição montou uma equipa com todos os argumentos ao seu dispor, com Casillas como guarda-redes, Layún, Felipe, Marcano e Alex Telles na formação do quarteto defensivo, ainda Danilo, Herrera e Sérgio Oliveira na linha média, e três homens mais adiantados, Marega, Aboubakar e Brahimi, com a missão de darem trabalho a Rui Patrício, o guardião leonino.

 2FA1216 2FA1288 2FA1414 2FA1227

Do outro lado, Jorge Jesus tinha maior pressão para vencer, não só porque tinha de "corrigir" a ideia menos positiva deixada no empate averbado em Moreira de Cónegos, mas também porque caso o FC Porto vencesse em Alvalade ficaria desde logo com cinco pontos de vantagem na liderança do campeonato.

Consciente desta realidade, Jesus chamou a jogo Rui Patrício, ainda Piccini, Coates, Mathieu e Jonathan Silva, também William Carvalho e Battaglia atrás de uma linha média formada por Gelson, Bruno Fernandes e Acuña, com o holandês Bas Dost como o homem mais adiantado.

Com aqueles argumentos, acabaria por ser o FC Porto a equipa que mais fez por vencer, conseguindo mesmo dominar o adversário durante todo o primeiro tempo quando o Sporting raramente teve oportunidade para pegar no jogo. Jorge Jesus corrigiu um pouco a atitude da sua equipa ao intervalo, ainda que só tenha mexido no "onze" depois do minuto 60, quando fez sair Bruno Fernandes, médio que esteve pouco inspirado nesta partida, optando por Bruno César para um jogo mais físico, mas também mais veloz com bola no pé.

 2FA1330 2FA1371 2FA1495 2FA1647

Certo é que os golos não apareceram, o FC Porto perdeu uma oportunidade soberana para vencer em Alvalade, um resultado que até seria merecido, acabando o Sporting por garantir um ponto que nas contas finais do campeonato terá certamente importância na discussão com os seus rivais directos, nomeadamente este mesmo FC Porto, mas também o Benfica.

Sintomático relativamente à forma como decorreu o jogo foi a possibilidade de se escolhar com relativamente facildade o melhor jogador em campo, concretamente o guarda-redes do Sporting, Rui Patrício, que com uma prestação marcada por uma atenção constante e algumas defesas de bom nível segurou o empate para a sua equipa.

Nota ainda para a passagem por Alvalade de Adrien Silva, ele que continua sem poder jogar depois da transferência falhada e adiada para os ingleses do Leicester, num jogo em que o Estádio de Alvalade encheu para um clássico bem disputado mas que terminou sem golos.

texto: Jorge Reis
fotos: Luís Moreira Duarte 

 2FA1651 2FA1669 2FA1686 2FA1699 2FA1704 2FA1834 2FA1885 2FA1892 2FA2064 2FA2110 2FA2209 2FA2265

Share

Copyright © 2012 LusoSaber - Todos os direitos reservados.